Sem categoria

O grande gesto de fair-play dos Benjamins do Paços de Brandão

É verdade que o jogo já se realizou no passado dia 22 de Dezembro, mas a grandiosidade do gesto exige que seja destacado.

No campeonato distrital de Benjamins de Aveiro assistiu-se a um belíssimo momento de fair -play. O Sporting de Espinho deslocou-se ao terreno do Paços de Brandão com apenas 5 jogadores disponíveis.

Perante esse facto, o treinador do Paços de Brandão, que tinha 12 miúdos na ficha de jogo, decidiu apenas actuar também com 5 elementos em vez dos 7 habituais nestes escalões.

Rafael Magalhães, treinador do Paços de Brandão referiu em declarações à AFA TV que  “tratou-se de um exemplo do qual os jogadores não se vão esquecer”. “Eu estava na palestra com os jogadores e fui avisado pelo meu diretor. Depois, avisámos o árbitro de que iríamos entrar com cinco jogadores em campo e não houve qualquer impedimento. A ideia que quis passar aos jogadores foi a de que podemos querer sempre ganhar, mas não o devemos fazer a qualquer custo. Para que isso aconteça, temos de ser mais fortes e melhores. Se o Paços de Brandão alinhasse com sete jogadores seria um castigo para os atletas do Sporting de Espinho, que não têm culpa nenhuma.”

Por outro lado, o treinador do Espinho, Jorge Novo revelou que os jogadores ficaram surpreendidos com a atitude do Paços de Brandão, que considera ser “uma lição para todos os agentes do futebol”. “Os meus jogadores também sabiam que, mesmo em igualdade numérica, o jogo seria exigente. Tenho de agradecer ao Paços de Brandão porque estávamos numa situação complicada.”

Quanto ao resultado, que é o menos importante no meio de tudo isto, o Espinho acabou por vencer por 6-5 nos últimos instantes apesar de não ter nenhum jogador no banco e de ter estado a perder por 3-0.

Fonte: rematedigital.pt

Adiciona um comentário