Insólitos Internaticonal

«Dei por mim a beber à quinta, sexta, sábado, domingo e segunda-feira»

Revelação forte de Scholes, que falou ainda de José Mourinho e Cristiano Ronaldo

Paul Scholes foi um dos melhores médios do Mundo na viragem do milénio e no início do século, mas podia ter tido uma carreira bem diferente.

Numa longa entrevista à ESPN, o antigo jogador do Manchester United confessou que teve de se afastar do seu grupo de amigos por causa do álcool.

«Andava a beber [na juventude], tinha peso a mais, precisava de ficar em forma e de sair desse ambiente. Dei por mim a beber à quinta, sexta, sábado, domingo e à segunda-feira às vezes. Bebia à noite antes de um jogo», começou por confessar.

«Estava numa cultura onde se vai aos jogos e se bebe no autocarro no caminho de ida e no regresso. (…) Isso ainda acontece, ainda tenho amigos que vão aos jogos. Eu adorava ir com eles, ser um adepto normal, mas não seria fácil. Fui convocado para uma equipa da seleção inglesa e pensei: ‘tenho de sair deste ambiente’», acrescentou.

O ex-internacional inglês criticou depois alguns jogadores do United, em especial Pogba e Alexis: «Sei que [o Alexis] tem qualidade e tem sido bom jogador mas nunca o vi como um jogador do United. Vi-o sempre um pouco egoísta, alguém que joga para si próprio às vezes. (…) Ele [Pogba] faz algumas das melhores coisas nos jogos, um grande passe ou um drible. Depois, cinco minutos, ele fará uma das piores coisas, como se o seu cérebro se tivesse desligado. É como se fosse tudo sobre ele. (…) Torna-se fácil jogar contra ele porque sabes que a arrogância dele vai aparecer.»

«Sinto que podíamos [Manchester United] contratar o Messi e que ele teria problemas nesta equipa», acrescentou ainda sobre o mau momento de forma dos red devils.

Apesar de ter dito anteriormente que Mourinho estava a envergonhar o clube, Scholes diz que o Special One ainda é um grande treinador, apesar de deixar criticas ao estilo de jogo do emblema inglês.

«Ele [José Mourinho] ainda é um grande treinador. Bem, eu acho que ele ainda é, mas tu continuas a perguntar-te por que continua a ser superado. As pessoas falam sobre os primeiros 10 jogos desta temporada, mas no ano passado passou-se o mesmo. A razão pela qual ficámos em segundo lugar foi por causa do guarda-redes [De Gea]», afirmou.

E sobre a discussão entre Ronaldo e Messi? Scholes assume a preferência pelo argentino: «Melhor do mundo? Messi. Ronaldo é sensacional no que faz, com força e potência. Ele marca, bate livres. Mas como jogador de futebol total, Messi. O seu passe, uau. Ele tem absolutamente tudo.»

Fonte: Mais Futebol

Adiciona um comentário

Segue-nos no Facebook

Mais vistos